21 de mar de 2012

Os votos





Gosto muito de ter um tempinho e deixar algo bonito para minhas amigas. Nos últimos dias não foi possível, pois meus pais estão doentes, minha mãe mais... só que mesmo assim esta pintando.
 Assim, tenho que estar constantemente com eles.
Mas, recebi este texto e achei interessante compartilhar com vocês. Espero que apreciem. É de coração.


Os votos


"Pois desejo primeiro que você ame e que amando, seja amado.

E que se não o for, seja breve em esquecer e esquecendo não guarde magoa.

Desejo depois que não seja só, mas que se for saiba ser sem se desesperar.

Desejo também que tenha amigos e que mesmo maus e inconsequentes sejam corajosos e fiéis.

E que em pelo menos um deles você possa confiar e que confiando não duvide de sua confiança.

E porque a vida é assim, desejo ainda que você tenha inimigos, nem muitos nem poucos, mas na medida exata para que algumas vezes você interpele a respeito de suas próprias certezas.

E que entre eles, haja pelo menos um que seja justo para que você não se sinta demasiadamente seguro.
Desejo que você seja útil, não insubstituivelmente útil, mas razoavelmente útil.

E que nos maus momentos, quando não restar mais nada, essa utilidade seja suficiente para manter você de pé.

Desejo ainda que você seja tolerante, não com os que erram pouco, porque isso é fácil, mas com aqueles que erram muito e irremediavelmente.

E que essa tolerância nem se transforme em aplauso nem em permissividade, para que assim fazendo um bom uso dela, você de também um exemplo para os outros.

Desejo que você sendo jovem não amadureça depressa demais, e que sendo maduro não insista em rejuvenescer, e que sendo velho não se dedique a desesperar.

Porque cada idade tem o seu prazer e a sua dor e é preciso deixar que eles escorram dentro de nós.

Desejo por sinal que você seja triste, não o ano todo, nem um mês e muito menos uma semana, mas um dia.

Mas que nesse dia de tristeza, você descubra que o riso diário e bom, o riso habitual é insosso e o riso constante é insano.

Desejo que você descubra com o máximo de urgência, acima e a despeito de tudo, talvez agora mesmo, mas se for impossível amanhã de manhã, que existem oprimidos, injustiçados e infelizes.

E que estão à sua volta, porque seu pai aceitou conviver com eles.

E que eles continuarão à volta de seus filhos, se você achar a conveniência inevitável.

Desejo ainda que você afague um gato, que alimente um cão e ouça pelo menos um João-de-barro erguer triunfante seu canto matinal.

Porque assim você se sentirá bem por nada.

Desejo também que você plante uma semente por mais ridículo que seja e acompanhe seu crescimento dia a dia, para que você saiba de quantas muitas vidas é feita uma árvore.

Desejo, outrossim, que você tenha dinheiro porque é preciso ser prático. E que pelo menos uma vez por ano você ponha uma porção dele na sua frente e diga: Isto é meu.
Só para que fique claro quem é dono de quem.

Desejo ainda que você seja frugal, não inteiramente frugal, não obcecadamente frugal, mas apenas usualmente frugal.
Mas que essa frugalidade não impeça você de abusar quando o abuso se impor.

Desejo também que nenhum de seus afetos morra, por ele e por você. Mas que se morrer, você possa chorar sem se culpar e sofrer sem se lamentar.

Desejo por fim que, sendo mulher, você tenha um bom homem e que sendo homem tenha boa mulher.

E que se amem hoje, amanhã, depois, no dia seguinte, mais uma vez e novamente de agora até o próximo ano acabar.

E que quando estiverem exaustos e sorridentes, ainda tenham amor para recomeçar.

E se isso "só acontecer, não tenho mais nada para desejar".


Os votos - Sérgio Jockymann



Tenham uma boa noite
Rose



3 comentários:

  1. Amei...como sempre lindo. Quantos desejos !!!!E todos ...passamos e passaremos. Desejo a melhora de seus pais. E obrigado apesar das sua preocupações dividir conosco um texto tão lindo como este....bjs

    ResponderExcluir
  2. Amada Rose
    Já sentia que algo a preocupava, seus pais tem a você para estar com eles e isso é muito bom... Lembrarei deles em minhas orações, sobretudo tenho saudades de sua mãe que ficamos tão próximas diga que não desisti do livro e tenho todos os rascunhos guardados, viu? O texto que nos deixou é muito lindo e nos faz pensar na vida e nas prioridades, as vezes atravessamos um parque com tanta pressa, pensando em tantas coisas ao mesmo tempo que não nos permitimos olhar a volta, aguçar os ouvidos, ouvir o pássaro que canta, sentir o aroma das arvores, das flores, sentir o beijo leve da brisa... Tudo apenas se abrandarmos um instante e prestar atenção no sorriso da criança que passa ao nosso lado. Enche nosso coração de Jeová e ai podemos continuar com um novo fôlego!! Que Ele possa lhe dar muitos novos fôlegos para a jornada que se avizinha! Te amo muito e conte comigo no que precisar...Bjooo e obrigada por abrandar e deixar esse texto lindo viu?

    ResponderExcluir
  3. Rose sinto muito por nos conhecer só agora mesmo assim espero que seus pais estejam com muita saúde na primeira vez que vi seu blog não me recordo em que sessão estava mostrando uma exposição dos quadros de sua mãe fiquei encantada por eles e pude notar também o trabalho que ela faz nos pano de copa que você orgulhosamente nos mostra com seus quitutes logo percebo que em sua família todos sabem usar os talentos que Jeová deu amei este texto postado por você do Sergio os votos penso que o ser humano tem que saber viver todas as fazes de sua vida tem que aprender amar e se preciso esquecer tem que sorrir e também chorar tem que plantar e também colher tem que sentir a chuva no rosto e também o vento tem que criar bichos e assim ser especial e necessário para algo ou alguém enfim quem nunca plantou quem nunca regou nunca amou se eu pudesse pediria sua mãe que pintasse esses 2 quadros para mim mas tudo tem seu tempo ECLESIASTES 3.1 ELI BIRIGUI

    ResponderExcluir