23/04/2020

Pão de frigideira




Quando bate a fome, ou vontade de comer... vamos para a cozinha e queremos algo muito rápido e fácil de fazer. E... eis um pão de frigideira. 
Quem não ama um pãozinho quentinho!
Não deveria... mas, estamos de quarentena e quanto mais coisas para fazer... mais vontade de um cafezinho da tarde.
Mas, uma coisa é certa, comida de verdade, feita com carinho, faz bem a alma. Conforta! E como é bom ficar com a família e fazer pães para alegrar o nosso dia e o dia deles também.
Experimenta fazer.
Agora, estou fazendo uma fornada de pão integral. Muito bom!
Na verdade, economizamos quando fazemos comida de verdade em casa. 
Amanhã posto para vocês nossos pães.


Aproveite a quarentena e aventure-se na cozinha!
Que tal pegar seus cadernos ou livros de receitas! Se não tiver, pegue de sua mãe. Eles contam histórias fascinantes.

#quarentena
#coronavírus
#pães
#fiquemcasa
#família


03/04/2020

O que tem depois da curva?


Já faz muito tempo que não escrevo, embora ame fazer isso.
No momento estamos vivendo em tempos diferentes. Inimaginável para a maioria das pessoas. O que mais precisamos agora?
Acredito que temos a necessidade  de parar e fazermos uma auto-análise.
Isso é muito importante, porque algumas coisas que fazemos podem estar nos impedindo de gozar de saúde física e mental no mais elevado nível.
Observando a foto há uma estrada, na verdade eu não sabia o que teria à frente, mas esperava ver lugares lindos. 
A auto-análise nos ajudará a pensar no que queremos encontrar depois da curva,
nos habilitará a reajustar nossas atividades, a limitar o número e a amargura de decepções, e assim estabelecer o hábito de pensamentos que nos darão maior alegria de viver.

Sugestões interessantes do livro: "Domine seu sistema nervoso" :

1 - Durante alguns dias escreva tudo o que fizer, sobre o dia todo.

2- Assinale o que te deixa infeliz, desajustada e insatisfeita consigo mesma.

3- Selecione as atividades que te deixe estressada, nervosa.

4- Pergunte a si mesma como se desenvolveram esse hábitos. Escreva tudo o que lhe vier a cabeça, todos os dia, por meia hora.

5- Procure ajustar-se.

Como nessa curva no norte da Itália, em que a nossa mente estava ansiosa de conhecer, ver, não perder nem um instante, possamos fazer o mesmo com nossa vida.
Pode ser empolgante quando usamos cada instante para aprender das amarguras e das coisas boas que passamos todos os dias.
Desejo a todos que estão lendo essas palavras, coisas boas em todas as curvas da vida.


Fique bem!




'