25 de out de 2011

Decoração do lar - gratificante desafio






VOCÊ entra na casa modesta de seu anfitrião. Uma primeira espiada revela tratar-se duma moradia decorada com bom gosto. A pintura é limpa e bem-feita.
Mais tarde, fica surpreso de saber que todo o trabalho foi feito pelos membros da família, que aceitaram o desafio da decoração do lar. Mas, podem haver armadilhas nesse projeto de faça-o você mesmo. Assim, antes de iniciar qualquer projeto de decoração do lar, considere o seguinte.
Escolha Cuidadosamente os Materiais
A variedade de materiais agora disponíveis lhe oferece considerável escolha, quando se trata do estilo em que vai decorar sua casa. O que é prático para sua localidade? Será que um papel de parede decorativo resultará numa aparência agradável? Ou talvez prefira cobrir as paredes com uma camada de verniz ou de tecido? É possível que conclua que uma simples mão de tinta resulte na aparência desejada. Antes da decisão final, leve em conta os aspectos práticos. Estes incluem o custo, a durabilidade do acabamento, a facilidade de instalação, e o tempo e o esforço necessários para se conservar e limpar as paredes. Tudo isto tem de ser comparado com o que custaria se feito por profissionais.
A cor do material decorativo escolhido também é importante. Será que combinará bem com os outros itens do aposento? Se o aposento for usualmente frio, um tom quente de tinta criará uma sensação de tepidez. Tons azuis ou verdes claros farão com que aposentos que dão para o lado mais quente da casa pareçam mais frescos. Quartos escuros ou mal-iluminados podem ser clareados com acabamentos de cores leves.
Planeje e Prepare o Seu Trabalho
O segredo da decoração bem-sucedida é a boa preparação! Já notou quanto tempo os decoradores profissionais levam para preparar as superfícies para serem pintadas, em comparação com o tempo que realmente levam para realizar o trabalho? Se você mesmo irá fazê-lo, não poupe tempo e esforço nos preparativos. Os peritos sugerem que seu alvo deve ser conseguir uma superfície seca, lisa e limpa.
Conserte as superfícies danificadas por tapar os buracos. Daí, lixe a superfície consertada com lixa d’água ou de madeira para torná-las lisas. Antes de começar a pintar, passe um pano úmido sobre a superfície, para remover a poeira do reboco da parede, e deixe secar.
Que dizer do seu plano de ação? Fez arranjos para incluir toda a família? Não só todos ficarão envolvidos, mas todos sentirão orgulho do produto final, e isso certamente incentiva-os a ter mais cuidado. Em vez de uma decoração do lar feita como programa pessoal, torne-o um programa conjunto. As recompensas são grandes.



Cuide de seus pincéis e rolos
 1. Curve e mexa cabalmente as cerdas dum pincel novo a fim de remover o pó e as cerdas soltas.
 2. Evite mergulhar o pincel fundo demais na tinta. (Cubra apenas de um terço à metade do comprimento das cerdas para impedir que tinta em excesso fique embebida na haste.)
 3. Lave o pincel depois de usá-lo. Use aguarrás para a tinta a base de óleo e água quente para tintas látex, ou a base de água.
 4. Guarde os pincéis limpos e secos em papel limpo, para absorver a umidade restante, e ajudar a manter as cerdas em forma.
 5. Siga um processo similar com os rolos, certificando-se de secar inteiramente quaisquer partes metálicas, para evitar a ferrugem e a conseqüente descoloração da tinta, da próxima vez que os usar.

Fonte: G90 22/06


Um comentário:

  1. Silvia Moreira - O que já teve de gente que já foi servido nessa mesa......pq ??? Devido a sua hospitalidade e do seu amado ....parabéns por sempre proporcionar isso ao irmàos !!!!

    ResponderExcluir